quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021

Salvação

 

Introdução


Todos nós precisamos de salvação. Primeiramente, aquela que nos transforma de criaturas em filhos de Deus (Jo 1:12). Que nos livra do salário do pecado e nos dá o dom gratuito de Deus, a vida eterna em Cristo Jesus (Rm 6:23).

Em seguida, uma vez salvos, continuamos precisando de um salvador que dia a dia nos salve das mazelas humanas.


Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor. Lucas 2:11.


A palavra salvação que aparece na Bíblia, tem um sentido bem amplo. Segundo Charles Big:


- libertação de um perigo.

- libertação de uma enfermidade.

- libertação da condenação

- libertação do poder do pecado.



O Salvador da Família


Família é um dos temas mais importantes para Deus e uma das áreas principais na vida de qualquer pessoa.

É uma instituição criada antes da queda; ou seja, já estava lá no jardim do Éden.


Grandes ‘fantasmas’, traumas na psique das pessoas, muitas vezes se formaram como estalactites escorrendo lentamente ao longo da infância.


Os piores tormentos da vida adulta, para alguns, foram formados como estalagmites; um pingo após o outro, dia a dia…


As famílias estão precisando de Salvação e só vão encontrá-la quando deixarem o salvador entrar em casa; quando entenderem que a fé é um prato que não se deve comer sozinho.


A Páscoa judaica, só podia ser comida em família. O sangue deveria ser colocado no umbral da porta.

Josué respeitou a liberdade dos hebreus, porém, não se eximiu da responsabilidade por sua casa (Js 24:15).


Davi foi um dos maiores homens de Deus de todos os tempos. Todavia não cuidou adequadamente de sua família. Não foi um bom marido, não foi um pai exemplar.

Esse grande rei investiu ‘na rua’, na carreira, nos negócios, nas artes… Inclusive, investiu grandemente no seu relacionamento com Deus, ninguém há que questione isso.

Entretanto, suas terríveis falhas no âmbito familiar foram a causa dos seus maiores sofrimentos. Nada fez Davi agonizar tanto como as mazelas envolvendo gente do seu sangue.


Não adianta: Se você for bom em todas as áreas da sua vida, porém for relapso com sua família, cedo ou tarde, vai pagar caro por isso.


Se você pedir demissão do emprego vão encontrar outro para fazer a sua função. Se fugirmos da vontade de Deus no ministério Ele poderá chamar outro em nosso lugar.

Porém na sua família você é insubstituível. E dela, não há como pedir demissão.


Os maiores dilemas hodiernos estão entre quatro paredes. Os índices de divórcio estão assustadoramente altos.

A família é a célula mater da sociedade. O mundo que vivemos hoje é reflexo do que aconteceu ontem dentro das casas. E o que está acontecendo hoje nas famílias é o que veremos amanhã no mercado de trabalho, no trânsito, nas escolas, nos governos.


[Argumentar] Falta de respeito, falta de amor, rebeldia, dívidas, promiscuidade, preguiça, ansiedade, egoísmo, falta de paciência na rua muitas vezes são consequências do que não se viu em casa.


Porque aquilo que acontece nas famílias são as sementes; o que se vê na sociedade é a colheita.


Se alguém quer salvar a sociedade, precisa primeiro pensar em salvar as famílias. Você quer ganhar o mundo para Jesus, comece sendo um missionário dentro de casa.


Talvez você nunca tenha ouvido falar de Lóide (2Tm 1:5). Porém milhares e hoje até milhões foram influenciados por ela, pois viveu uma fé que pode ser herdada por sua filha Eunice e posteriormente por seu neto Timóteo; aquele, supervisor de inúmeras igrejas, sucessor do grande apóstolo Paulo.


Zacarias e Isabel, José e Maria com certeza tem um lugar especial no Reino de Deus; pois cumpriram a missão de ser uma família que enche a terra da glória de Deus (Hc 2:14; Gn 1:28). Os primeiros criaram João Batista, que segundo Jesus foi ‘o maior nascido de mulher’. O segundo casal, bom, dispensa apresentações: Além de Jesus o Messias, no seio dessa família foram formados: Tiago que se tornou um grande apóstolo e em certo período até líder da Igreja a quem Pedro e Paulo respeitavam (At 15:13ss); Judas que escreveu o livro que recebe seu nome e José apelidado de Justo (At 1:23).


As famílias precisam de salvação.

Então você precisa levar o Salvador para dentro de casa.


Não sejas daqueles cheios do fogo no culto que não se presta nem para fazer uma oração pelas refeições em casa!

Ou daqueles outros que cantam alto o louvor na célula, mas, se alguém pegar o pendrive que está no carro vai se assustar.


Ei, seus filhos podem ver o que você acessa no seu celular? Seu cônjuge pode ler suas ‘conversinhas’. Ou você está quem nem a Eva de papinho com serpente?


Você que é filho, porque anda chaveando a porta do quarto quando só está a família em casa. O que anda fazendo que seus pais não podem saber?


Se você tem o privilégio de ter uma família cristã, sua primeira célula é o lar.


E aqueles que não tem uma família convertida? Sua casa é seu primeiro campo missionário. Você pode fazer missões sem nem sair de casa.


Ore! Deus salve a minha família.


Leia: O Propósito da Família de Luciano Subirá; As Cinco Linguagens do Amor de Garry Chapman. Siga o Josué Gonçalves nas redes sociais.




O Salvador da Alma


Antes até de buscarmos salvação para nossa família, precisamos de salvação para nossas almas. Nossos espíritos foram salvos quando entregamos nossas vidas para Jesus e nos tornamos novas criaturas (Jo 3:16; 2Co 5:17); porém nossas almas precisam ser salvas mediante uma transformação (Rm 12:2) contínua e progressiva.


Tenham cuidado para não acontecer que o coração de vocês fique sobrecarregado com as consequências da orgia [excessos], da embriaguez e das preocupações [cuidados, ansiedade] deste mundo [vida bios], e para que aquele dia não venha sobre vocês repentinamente, como uma armadilha [laço]. Lucas 21:34.


Vivemos em uma cultura de excessos. Temos mais do que precisamos: Roupas, comidas, brinquedos, filmes, eletrodomésticos…

Porém Jesus já fez um alerta a muito tempo: Cuidado para não sobrecarregarem os seus corações com os excessos!


Já reparou que em algumas versões da Bíblia aparece a palavra glutonarias e em outras versões não? É que a palavra em questão, lá no grego em que foi escrita, se refere a exageros em geral e inclui obviamente, a nossa palavra portuguesa ‘glutonaria’.


Os exageros sobrecarregam a alma. A alma fica obesa. Isso gera ansiedade. Isso prende os pés na terra. E Jesus alerta: Além de nos adoecer, esses excessos podem até incapacitar de perceber e se preparar para o arrebatamento.


[Argumentar] Excessos viciam, estressam, cansam, irritam e alteram o paladar, os sentidos e os sentimentos. Matam a alma.


Excessos tem uma fome insaciável. Como uma velocidade que quer acelerar. Uma fome que quer comer mais. A necessidade de aplausos que nunca cessa.

Aquilo que vemos em alguns políticos corruptos e nos perguntamos: “Porque pelo menos não parou de roubar quando já estava rico”? Acontece todos os dias na sociedade e talvez com você.


Nossas almas precisam de salvação.

A sua alma precisa do Salvador.


Tenho visto as pessoas lidarem com seus problemas emocionais geralmente dessas 6 maneiras:


1. Fazendo de conta que não existe problema e seguindo com o sofrimento.

2. Vivendo uma caçada por culpados para justificar os problemas.

3. Colocando a expectativa em pessoas e sangrando novamente a cada frustração.

4. Guardando tudo em silêncio até implodir.

5. Assumindo uma identidade de derrota.

6. Admitindo os problemas, buscando ajuda de Jesus, do discipulador, pastor e por que não, até mesmo profissional.


Jesus é o Salvador da sua alma: Da sua mente, da sua volição, dos seus sentimentos…

A Palavra do Senhor restaura sua alma.


A lei do Senhor é perfeita e restaura a alma. Salmos 19:7.


Muitas pessoas adoeceram na alma em 2020 ou sua doença veio a tona, foi revelada. Precisamos de cura, precisamos de salvação para nossas almas, precisamos do Salvador.



Conclusão


Poderia seguir apresentando Jesus como o Salvador de tantas outras áreas de nossas vidas. Mas até aqui está bom por hoje.

Entenda de uma vez por todas que embora Ele tenha te salvador da morte Eterna um dia, precisa continuar sendo teu salvador todos os dias, de si mesmo, deste mundo, das forças das trevas.



Ministração


Quem hoje quer entregar a vida para Jesus e receber ele como Senhor e Salvador?


Quem precisa de salvação na sua família.

Quem precisa de salvação na sua alma?



terça-feira, 9 de fevereiro de 2021

A Alegria do Cristão

Deus deseja que sejamos alegres. A Bíblia fala muito sobre isso e inclusive, a certa alegria que é fruto do Espírito.


Alegria de ser alguém salvo


Devolve-me a alegria da tua salvação e sustenta-me com um espírito pronto a obedecer. Salmos 51:12.


Davi havia pecado. Seu grande medo era que o Espírito Santo saísse dele e perdesse a salvação. Leões, ursos, gigantes e exércitos ferozes não colocavam medo em Davi. Porém a possibilidade de ser ‘desligado’ de Deus o colocava em desespero.


O primeiro motivo pelo qual precisamos ser pessoas alegres é que Jesus nos salvou. Este motivo sozinho já deveria ser o suficiente para garantir nossa felicidade diária e eterna.


Nós iriamos para o inferno. Nós passaríamos a eternidade em um local que Deus criou para castigar Satanás com fogo eterno, fogo que queima com a intensidade do poder de Deus.


Porém, a partir do momento que Jesus nos salvou, quando recebemos Ele em nossas vidas; nosso destino foi apontado para o céu e agora viveremos para sempre em alegrias eternas.


Outra coisa que precisa encher nosso coração de alegria é a salvação dos outros.

Quando alguém vem a primeira vez na célula, isso precisa por teu coração em saltos de alegria! Quando um convidado está pela primeira vez em um culto, você precisa vibrar de alegria!


Precisamos ser ‘caçadores’ de orações de entrega. Não podemos perder a oportunidade de dar essa alegria ao Senhor, de sentirmos essa alegria e de sermos instrumentos para gerar na vida da pessoa a alegria eterna da salvação.


Vamos dar a todos a oportunidade de entregar a vida para Jesus.



Alegria da Santidade


Enquanto escondi os meus pecados, o meu corpo definhava de tanto gemer.

Pois de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; minha força foi se esgotando como em tempo de seca. Salmos 32:3,4.


O pecado é uma anomalia. É um vírus. É um erro. É tudo de ruim que você pode imaginar. O pecado traz e gera morte. Ele interfere na vida do pecador, nas pessoas a sua volta e até no planeta em que vivemos.

Não há como você ser cheio de alegria e viver em pecado. Inclusive a pseudo alegria que o pecado gera é como um fogo de palha.

Amnon, filho de Davi acreditava que se conseguisse deitar com sua irmã Tamar, sua vida estaria realizada e seu coração satisfeito. Porém depois de executar seu plano maléfico pelo uso de força, maior foi o desprezo que teve pela moça do que a paixão que sentira. Ele a mandou embora pois não queria nem mais vê-la. Além de tudo que você já deve ter imaginado, esse pecado custou a vida de Amnon que foi assassinado pro seu irmão Absalão. Além do que, bem possivelmente tenha lhe custado a morte eterna.


Saul desobedeceu uma direção direta de seu líder Samuel, e cometeu diversos outros pecados como consultar uma médium por exemplo. Saul ficou louco, possuído por um demônio e depois se matou.


A santidade te leva a um estado de paz. A uma leveza no relacionamento com Deus e segurança. A santidade facilita o fluir do Espírito Santo sobre a sua vida e gera credibilidade no que você prega.


Um cristão que não vive em santidade pode mais tarde se tornar alguém frustrado. Pois vai olhar para diversas promessas da Palavra e não as verá se concretizarem em sua vida.


É triste, porém, muitos cristãos morrem sem experimentar a delícia que é viver com Jesus em santidade.


Quer ser feliz? Quer ter alegria verdadeira? NÃO PEQUE MAIS! SEJA SANTO! E se com mesmo com toda essa dedicação em ser santo vier a pecar, arrependa-se, peça perdão ao Senhor, mude de atitude e quem sabe até compartilhe o acontecido com seu discipulador para que ele possa te ajudar.


Alegria proveniente da fé


A fé muda a nossa maneira de ver as coisas. A fé nos torna mais positivos, otimistas, mais crentes de que as coisas vão dar certo.

Já a murmuração rouba a alegria ao trazer uma perspectiva sempre negativa, incrédula, desconfiada das pessoas, das coisas e do futuro.


A fé gera alegria ao nos fazer ver o copo meio cheio e ainda gera o desejo de dar tudo de si para vê-lo totalmente cheio.


Já a murmuração rouba a alegria ao só conseguir ver o copo meio vazio e diagnosticar a tendência de que ele fique totalmente vazio.


Moisés enviou 12 espiões para investigarem como era Canaã. Todos eles viram o mesmo: Uma Terra maravilhosa, habitada por um povo terrivelmente poderoso.


Dez dos espias focaram no fato do exército ser poderoso, da cidade ser invencível e deram seu veredicto: vamos todos morrer.


Dois focaram na fé, e chegaram a uma conclusão diferente: Vamos subir e conquistar pois é certo que venceremos.


Por fim, Deus deu o seu veredicto: Ok, vocês que disseram que não dá para entrar e que vão morrer, farei isso que disseram, não vão entrar na terra prometida e vão morrer no deserto. Já vocês tiveram fé e disseram que a vitória era certa, farei isso com vocês, vão conquistar Canaã e desfrutar da alegria que tenho para vocês nela.


Uma senhora lá de Cristal costumava dizer: “Cuidado com o que tu fala, pode ser que na hora um anjo passe e diga amém”.


Tão certo como eu vivo, diz o Senhor, vou tratar vocês de acordo com o que falaram aos meus ouvidos. Números 14:28.


Eles falaram essas coisas em oração? Não. Porém disse que falaram aos seus ouvidos. Como assim? Simples, tudo que falamos, Deus está ouvindo e verá se nossas palavras são de fé ou de incredulidade.


Quando você adota uma linguagem de fé, você muda seu coração, muda o mundo ao seu redor.


Mas eu lhes digo que, no dia do juízo, os homens haverão de dar conta de toda palavra inútil que tiverem falado.

Pois por suas palavras você será absolvido, e por suas palavras será condenado". Mateus 12:36,37.


Repare que Jesus não diz que seremos julgados por palavas ‘falsas’ ou algo assim. Ele fala palavra ‘inútil’.

As palavras sem fé, tristes, pessimistas e negativas dos dez espias não eram mentira; porém era inúteis e os condenaram.

As palavras cheias de fé, otimistas, corajosas de Josué e Calebe eram necessárias, mudaram a realidade ao seu redor e os levaram a conquistar a terra prometida.


Aponte a sua boca para a alegria, para a gratidão, para a fé, para a esperança!


Para saber mais sobre fé, leia os livros do Pr. David Yonggi Cho.



Gratidão


Falando em gratidão, esta é outra poderosa ferramenta para trazer alegria.

Enquanto estamos agradecendo não estamos reclamando isso em si só já é uma grande coisa. Qualquer um percebe como é desagradável estar perto de alguém que só reclama de tudo e como nos sentimos bem perto de alguém grato.


Alegrem-se sempre.

Orem continuamente.

Dêem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus.

Não apaguem o Espírito.

Não tratem com desprezo as profecias.

1 Tessalonicenses 5:16-20.


Perceba que o Espírito Santo ensina através de Paulo que devemos nos ‘alegrar sempre’, ‘dar graças em todas as circunstâncias’ pois ‘esta é a vontade de Deus’. Uau! A vontade de Deus é que sejamos gratos!

Inclusive, alegrar-se (buscar conscientemente, com esforço, dedicação estar alegre) faz parte do ‘não apaguem o espírito’. E também, o ‘alegrem-se’ faz parte do ‘não tratem com desprezo as profecias’.


Os 10 espias trataram com desprezo as profecias, ficando tristes diante de Canaã. Josué e Calebe lembraram das profecias que prometiam a conquista a terra mesmo que o que estava diante de seus olhos não dissesse isso.


Então, você tem sido alguém grato?

Sua tendência é reclamar do que falta ou agradecer o que tem?


Agradeça, reconheça e honre as coisas boas que já estão em sua vida e busque com diligência e fé transformar aquilo que ainda precisa de mudança.


Quais os pontos positivos pelos quais você pode ser grato a Deus por seu emprego, cônjuge, corpo, célula, discípulos, discipulador, igreja…


Ser alguém grato não é ser um alienado, que não vê os problemas. Porém é ser capaz de comemorar, celebrar, festejar cada pequena vitória do dia e reconhecer nela a bondade do Senhor enquanto caminha na direção de solucionar o que ainda falta.


Se Deus manda nos alegrarmos, então precisamos nos esforçar nessa missão. E com certeza, aprender a ser grato faz parte disso.

Comece a agradecer agora a Deus, mas, expresse também no dia a dia sua gratidão com as pessoas através de palavras, atitudes e quem sabe até presentes.



Servir ao próximo


Uma frase que o pessoal diz por aí é: ‘Ninguém é uma ilha’. Faz sentido. Inclusive como cristãos, não há como vivermos sozinhos, isolados.


Há um tipo de alegria que só sentimos ao ajudar o próximo.


Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a si mesmos.

Cada um cuide, não somente dos seus interesses, mas também dos interesses dos outros. Filipenses 2:3,4.


Desde a primeira posição de liderança cristã que assumi em 2004, como líder de célula e discipulador até hoje, uma das coisas que mais enche meu coração de alegria é poder ajudar as pessoas.

Naqueles dias em que estive de quarentena pela covid, além das mensagens que vocês enviaram de carinho para nós, algo que foi muito importante para mim foi um e-mail que recebi.


A moça agradecia pelo período no MS onde saíamos de Fátima do Sul para ir a Vicentina na casa dela fazer a célula. Isso aconteceu ali por 2007 a 2009 mais ou menos. A célula fechou. Muitos jovens não seguiram a fé. Mas ela hoje tem sua família, sua carreira, foi batizada. E naquele momento onde eu estava doente, trancado dentro de casa, o e-mail de gratidão dela foi importantíssimo para mim. Saber que pude contribuir de alguma maneira em uma vida que hoje se tornou uma família encheu meu coração de alegria.


Ajude alguém, sirva alguém!

Dedique-se para que as pessoas ao seu redor recebam a salvação, resolvam os conflitos familiares, consigam entrar na faculdade, consigam um bom emprego, saúde…

Cristianismo é servir uns aos outros!


Programe-se para a alegria


Já vimos que Deus ORDENA que devemos nos alegrar!

Já vimos que nossas palavras e ações podem gerar alegria.


Logo, precisamos nos esforçar para gerar um estilo de vida alegre.


O mundo jaz no Maligno. O sistema desse mundo é programado para gerar tristeza. Os índices de tristeza, depressão, suicídio, ansiedade e diversas outras síndromes têm crescido muito! A venda de medicações para combater essas enfermidades é absurdamente gigante.


Isso é real! A tristeza é um inimigo real que precisa ser enfrentado. Fazer de conta que ele não existe não resolve o problema.


1. Não se isole. Organize uma agenda de atividades com pessoas que ajudam você a se encher de uma santa alegria. Discipulados, células, cultos, retiros, jantas, caminhadas, passeios…

2. Sabe aquelas pessoas que depois que você sai de perto delas parece que foi ‘sugado’, se sente acabado? Quem sabe você vai ter que diminuir um pouco o convívio com elas.

3. Tire férias.

4. Não passe tempo demais em redes sociais.

5. Não passe tempo demais vendo televisão.

6. Leia a Bíblia e ore.

7. Leia bons livros, ouça boas pregações.

8. Ouça louvores bíblicos e felizes.

9. Descanse.

10. Não entre em dívidas.



Bem resolvido


Sejamos sinceros: Ninguém é capaz de te fazer feliz!

Se você não for bem resolvido consigo mesmo, não adianta ficar procurar alguém que seja capaz de te fazer feliz.


Existem muitos jovens pensando que quando tiverem um amor verdadeiro vão ser felizes. Se isso fosse verdade, porque os índices de divórcio estão cada dia mais altos?


Outros acreditam que é quando tiverem mais dinheiro. Então porque os índices de suicídio são mais altos entre pessoas de maior poder aquisitivo?


Ainda há aqueles que acreditam que vão encontrar no sexo a felicidade. Diga-me então porque tantas raves, baladas e até bailões são regados a álcool e outras drogas?


Não adianta ficarmos procurando culpados. Salvo casos trágicos, precisamos admitir que a vida que temos é resultado das nossas escolhas que fizemos ao longo dela.


Assuma a responsabilidade sobre a sua vida!


Não culpe o marido, a esposa, o patrão, o discipulador, o pastor, o padeiro da esquina.


Assuma a responsabilidade por sua vida.

Não seja como a ‘dona aranha’ da música infantil, obstinada em subir e descer a parede; passa sol chuva e ela continua no mesmo ritmo, levando a vida do mesmo jeito, não tenta nada diferente. Teimosa, desobediente e nunca, nunca está contente.

Pare com isso, mude de vida! Sai dona aranha!



Alegria como fruto do Espírito


Mas o fruto do Espírito é… alegria. Gálatas 5:22.


Existe um tipo de alegria que só pode ser gerada através do seu relacionamento com o Espírito Santo.

Essa alegria é superior ao que falamo até agora. Só há uma forma de fazê-la crescer: Melhorando o relacionamento com o Espírito Santo.



Ministração


Se hoje você está aqui se sentindo triste, não culpo você, de maneira alguma. Todos nós passamos por lutas e dificuldades e o sistema do mundo é programado para gerar isso mesmo.


Porém, convido a cada um de vocês a não nos conformarmos com isso, a não aceitarmos que a vida seja uma constante de tristeza.


Deus quer que sejamos alegres. E a Bíblia nos ensinou hoje que há uma boa parcela disso que depende de nós.


Quero então chamar para vir aqui a frente você que deseja dizer ao Senhor: Eu quero da tua alegria sobre a minha vida.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...