terça-feira, 27 de abril de 2021

Salvando a casa

Muita gente diz que quer mudar o mundo!

Você é um destes?


Tudo bem, eu também sou. Porém já disse o escritor russo Leon Tolstoi:


Todo mundo pensa em mudar o mundo, mas ninguém pensa em mudar a si mesmo.


Agora, se eu te disse que além de mudar a si mesmo, existe uma maneira fantástica de mudar, salvar o mundo, ou pelo menos, tentar fazer isso de forma eficiente?

Sabe como?


Salvando a sua casa!

O que acontece na sociedade é reflexo do que acontece primeiro dentro de casa, no seio das famílias!


O que você vê nas ruas, na TV... é o pão assado. Nas casas é que a massa é feita.


Quer ter uma visão do futuro? Visite algumas famílias dos mais distintos grupos sociais e tcharam... Você vai saber como será o amanhã.


Isso te assusta?


Então precisamos fazer algo para que as famílias sejam transformadas.

 

Baixar mp3 AQUI

 


 


Mulheres, sujeitem-se a seus maridos, como ao Senhor,

pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que é o seu corpo, do qual ele é o Salvador.

Assim como a igreja está sujeita a Cristo, também as mulheres estejam em tudo sujeitas a seus maridos.

Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela

para santificá-la, tendo-a purificado pelo lavar da água mediante a palavra,

e apresentá-la a si mesmo como igreja gloriosa, sem mancha nem ruga ou coisa semelhante, mas santa e inculpável.

Da mesma forma, os maridos devem amar as suas mulheres como a seus próprios corpos. Quem ama sua mulher, ama a si mesmo.

Além do mais, ninguém jamais odiou o seu próprio corpo, antes o alimenta e dele cuida, como também Cristo faz com a igreja,

pois somos membros do seu corpo.

"Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois se tornarão uma só carne". Efésios 5:22-31.

 

 

1. Honra aos pais


Um princípio elementar que deve existir em qualquer família é a honra. Nem todos somos pais, porém, todos nós somos filhos e como tais, devemos honrar nossos pais.


Honra teu pai e tua mãe, como te ordenou o Senhor, o teu Deus, para que tenhas longa vida e tudo te vá bem na terra que o Senhor, o teu Deus, te dá. Deuteronômio 5:16.


Honrar aos pais é chamado de o primeiro mandamento com promessa. Ou seja, é um mandamento que já traz em si mesmo a recompensa.

A honra aos pais é a mãe da longevidade.

Se você ainda mora com seus pais ou depende deles (solteiros), especialmente se você é menor de idade e ainda não paga suas próprias contas, uma das formas de honrá-los é obedecendo (Ef 6:1). Um filho deve obedecer seus pais em tudo; a única exceção é quando os pais ou responsáveis mandarem fazer algo que é pecado, neste caso é mais importante você obedecer a Deus (não pecando) do que aos homens (que mandaram pecar) (At 5:29).

Jamais você deve peca contra Deus; não importa quem esteja lhe pedindo. O pecado é algo terrível e deve ser evitado a todo custo.



2. Marido e Mulher


Como nasce uma família?


Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e eles se tornarão uma só carne. Gênesis 2:24.


A família começa com um deixar:


- Físico.

- Deixar emocional.

- Deixar financeiro.


O homem e a mulher precisam deixar para trás as famílias de onde estão saindo, as vidas e rotinas de onde estão saindo para construir uma nova unidade, uma nova família. Obviamente que o deixar a família anterior não é abandoná-la ou ser descuidado. Refiro-me a cortar o cordão umbilical pois depois do nascimento, se não for cortado este cordão só vai atrapalhar e poderá até matar ambas as famílias.


Físico: O casal precisa de um espaço exclusivo para si.

Atualmente, para quebrar um galho, alguns casais acaba morando meio que junto com a família. Em vários casos isso não é pecado, porém, em muitos casos leva a nova família a passar por diversos problemas que poderiam ser evitados morando um pouco mais longe.

Por isso oriento que sempre que possível, o casal procure um lugar de privacidade. O pessoal costuma brincar sobre este lugar ideal com aquele adágio que diz:


Distância boa de morar da sogra é longe o suficiente que ela não consiga ir de chinelos, porém não tão longe que ela tenha que ir de mala.


Emocional: Ambos precisam entender que agora a pessoa principal do marido é sua esposa e a pessoa principal da esposa é o marido.

Maridos que idolatram a sua própria mãe e vivem fazendo comparações com a esposa estão fadados ao fracasso.

Ela dobrava assim, limpava assado... O feijão dela é melhor…

Cara, se tua mãe é tão boa assim porque não ficou lá com ela tomando teu nescauzinho. Tu casou magrão, agora tem que amar a tua mulher”!


Esposas que vivem jogando na cara dos maridos que seus próprios pais era melhores só geram raiva e não mudanças no coração dos maridos.

Meu pai sabia arrumar o ventilador... Meu pai cuidava melhor dos cachorros. Meu pai nessa idade ganhava bem mais”…

Minha filha, por acaso tu casou com o teu pai? Não né? Então em vez de jogar teu marido pra baixo, seja a maior incentivadora de que ele cresça; não a primeira luta dele no dia”.


Financeiro: Eu gosto de bater o martelo já na fase do romance real; quer orar com alguém para discernir se é de Deus vocês casarem?

- Você já tem um emprego?

Meu, se você precisa pedir pra mamãe o dinheiro pra levar a guria pra comer um Xis, tu precisa comer muito feijão ainda antes de pensar em namorar”.


E toda relação, seja ela de romance real, namoro… Ela precisa ser objetivando um casamento. Cristãos não ficam, cristãos não namoram pra testar. Cristãos iniciam relacionamentos afetivos quando no mínimo desconfiam que a outra pessoa é alguém com quem possam se casar.

Agora, se você ainda não pensa em casamento, quer sabiamente terminar os estudos primeiro, etc. Então não inicie um relacionamento afetivo.


Estudem, trabalhem... Aí sim, case. Estudar e iniciar uma carreira depois de casado não é impossível, porém, é mais difícil, especialmente quando vem os filhos.


Termine primeiro o seu trabalho a céu aberto; deixe pronta a sua lavoura. Depois constitua família. Provérbios 24:27.


Em seguida, após deixar pai e mãe, o casal precisa se unir.

Este unir envolve também diversas esferas.


Espiritual: Esta aproximação precisa começar já antes do casamento, no período de romance.

O casal precisa confessar a mesma fé em Jesus Cristo, ter os mesmos princípios e sonhar os mesmos sonhos no Senhor.


Físico: Marido e mulher precisam se entregar um ao outro, como um presente de amor. O sexo é uma benção fantástica de Deus feita exclusivamente para ser desfrutada entre os cônjuges.

Precisa ficar bem claro para você que o sexo entre duas pessoas casadas é algo limpo, puro e abençoado por Deus. Desfrutar desta benção é uma forma linda de servir ao Senhor.


Emocional: Agora que não são mais dois; o casal precisa alinhar os sonhos, os projetos... A família precisa saber para onde está indo.


Financeiro: Em um casamento saudável, existe o nosso dinheiro. Não importa se só um trabalha fora ou se um faz mais dinheiro que o outros... O dinheiro de um é o dinheiro do outro porque ambos são um do outro.

Nada contra famílias que se organizam assim: Com o seu dinheiro você paga as despesas básicas e com o meu dinheiro eu pago roupas e a casa. Tudo bem, se em comum acordo vocês decidiram e gostaram assim, tudo bem.

O que não pode é aquela coisa de: O dinheiro é meu, eu faço o que eu quiser com ele.

Não! Depois do casamento, tudo é UMA COISA SÓ.



3. O marido


Agora apertem o sinto varões porque a conversa é com vocês!

Irmas podem aquecer as gargantas para aquele glória a Deus e para aquele amém, nome de Jesus.


O marido é chamado a ser o líder da família.

E o modelo de liderança que deve seguir é a liderança que Jesus exerce sobre a Igreja.


Há inúmeras coisas que poderíamos citar sobre Jesus, vamos observar algumas delas.


Jesus é o bom pastor

As ovelhas de Jesus conhecem a sua voz.

A voz do marido precisa ser conhecida dentro de casa. Não pode ser um estranho que vive na rua e que quando chega só quer saber de gritar, reclamar porque seu dia foi cheio.

O pastor da casa precisa ter sua voz conhecida. E isso se dá se ele souber conversar com a família.

O que está no coração da tua esposa?

O que está no coração dos teus filhos?


Alguns maridos quando estão em casa, só querem ver TV e comer.


Casamento não é sobre ser feliz. É sobre fazer alguém ser feliz.


Quando você chega em casa, qual o sentimento que gera na família?


As pessoas pensam:

Uau que maravilha o papai chegou - ou - Ah, não lá vem ele”.

Ahh, lá vem meu amor, que saudade - ou - Não, ele já chegou, se foi a minha paz”.


A sua presença gera tensão ou segurança?


Existem maridos que humilham suas esposas chamando elas de gordas, feias, preguiçosas, desleixadas… Humilhar a esposa e os filhos é pecado! É violência verbal.

JESUS CURA, SALVA, ANIMA A IGREJA COM SUAS PALAVRAS.


Se você pratica violência verbal, então não é o pastor da sua família, é o demônio da casa! Vá se converter!

Arrependa-se hoje e pode ser que haja tempo pra salvar o teu casamento.


SEUS FILHOS PRECISAM VER QUE VOCÊ ORA.

QUE ESTUDA A PALAVRA.

QUE HONRA SUA ESPOSA

QUE AS COISAS DE DEUS IMPORTAM

QUE SEUS FILHOS SÃO SEUS TESOUROS.



Jesus é o cabeça


Inquestionavelmente Jesus é o líder da Igreja e na família, Deus colocou o marido para exercer esta função.

Ser o líder não significa ser superior. O homem não é em nada superior a mulher. Os dois são iguais perante Deus. Porém a casa precisava de um líder senão seria uma bagunça e não refletiria a imagem de Deus.

O Pai, o Filho e o Espírito Santo vivem uma unidade tão plena que conseguem sem perder suas características específicas ser UM SÓ DEUS. E mesmo sendo iguais em honra e glória, o Pai enviou o Filho e o Filho enviou o Espírito.

A ideia é que marido, mulher e filhos vivam uma unidade tão plena que sejam UMA FAMÍLIA, sem perder suas características particulares. E para assim funcionar a mulher reconhece a autoridade de seu marido e os filhos a autoridade dos pais.


Assim como olhamos para o Pai, o Filho e o Espírito Santo e enxergamos UM SÓ DEUS o propósito é que as pessoas olhem para nossa casa e não vejam um amontoado de gente, puxando um para cada lado, antes, uma unidade, uma família, caminhando juntos em um propósito.


Agora, unidade só existe onde há organização. E organização só funciona onde existe autoridade. E autoridade só atinge seus plenos efeitos onde existe honra de todas as partes.


Assim, o marido precisa exercer a liderança da família, com diálogo, humildade, considerando as opiniões, ou seja, ser um líder que honra os demais membros da casa. Em contraponto, a família precisa honrar a autoridade e decisões do marido.


Como disse Margaret Thatcher:


Ser poderoso é como ser uma dama. Se você precisa dizer que você é, você não é.


Um marido que a todo instante precisa ficar repetindo que é o líder da casa, já deixou de ser líder faz muito tempo.


Ser o líder não significa fazer sozinho.

Muitas vezes as esposas e até os filhos podem ter habilidades melhores e você pode delegar.

Por exemplo, os presidentes não precisam entender tudo de economia. Na verdade o mais importante é conhecer alguém que entenda e colocar essa pessoa como ministro da Economia.


Existem várias competências dentro de uma família:

- Administração Financeira.

- Aquisição de Roupas.

- Manutenção do veículo.

- Zeladoria da casa.

- Aquisição de Alimentos.


O marido não precisa ser bom e todas estas áreas, pode conversar com sua esposa e dividir as tarefas. Sempre cuidando para que ninguém fique sobrecarregado nem incumbido de fazer o que não sabe.


Jesus deu a vida pela Igreja


O tipo de liderança que Jesus desafia os maridos a viverem, é do que tipo que se preciso for dá a sua vida para salvar a sua família.


Maridos egoístas que só pensam em si e em suas coisas não combinam com o tipo de liderança ensinada por Jesus.


Meu pai, as vezes precisava trabalhar até muito tarde, mas quando precisei, comprou um Dicionário e um Atlas para mim em logas prestações.

Precisou vender o Corcel para pagar as contas e usar a bicicleta cargueira com máquina de solda, lixadeira e tudo mais amarrado em cima para fazer serviços. Até janelas e grades entregou com a bicicleta, porém nunca deixou a gente passar fome. Ele se sacrificava por nós.


Ele machucou o joelho e o coração fazendo um “extra” e construindo uma cerca, mas, pagou uma cirurgia que precisei.


Meu pai não se importava de morrer para que eu pudesse viver.


Jesus não se omite


Em nenhum momento Jesus se omite com suas responsabilidades.

Ele não apenas se sacrificou pela igreja, como também até hoje cuida dela.

Quando precisou se ausentar fisicamente, providenciou o Espírito Santo para continuar cuidando da Igreja.


Vivemos uma cultura que já foi ferida pelo machismo.

Em dias feridos pelo feminismo.


Porque essas duas coisas são lados diferentes de uma mesma peste. A luta dos sexos.


Homem precisa ser macho, não machista.

A mulher precisa ser feminina, não feminista.


Um sexo não pode oprimir o outro nem tentar ser superior. Ambos são importantes diante do Senhor e juntos podem avançar.


Jesus sustenta a Igreja.

O homem é chamado a ser o provedor do lar.

Isso não significa que a mulher não possa trabalhar fora.

Também não significa que a mulher ganhar mais seja pecado.


O real sentido é que se faltar sustendo para a família a responsabilidade será do marido.


Via de regra, se a família passar fome a culpa é do homem da casa.

Lembre-se que foi Eva quem primeiro pegou o fruto proibido. Mas Adão foi o primeiro cobrado por Deus por aquela atitude.



4. A esposa


Agora chegou a vez dos varões do Senhor ensaiarem aquele “glória a Deus” e aquele “amém, aleluia” que estavam entalados até aqui.


A mulher é chamada a imitar o relacionamento ideal entre a Igreja e Jesus.


A Igreja se submete a Jesus.

A Igreja reconhece que Jesus é seu líder.

É claro que é muito mais fácil se submeter quando o líder é Jesus.

Mas aqui nós temos um exército de homens semelhantes a Jesus: Amém?!


Assim como a Igreja foi criada por causa de Jesus e para Jesus, a mulher foi criada por causa do homem e para o homem.


Disse mais o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma auxiliadora que lhe seja idônea. Gênesis 2:18.


Então Deus já havia criado Adão e colocado ele para trabalhar no Jardim. Deus percebe que Adão estava muito solitário e que sozinho não daria conta do recado. Tinha Deus como seu superior. Tinha os animais como seus subordinados. Mas ninguém ao seu lado, ninguém como ele.

Deus então cria a mulher para ajudar Adão e a cria idônea, ou seja, capacitada para isso.


Algumas mulheres leem auxiliar e dona em vez de auxiliar idônea.


Brincadeiras a parte, muitas vezes essa acaba sendo o significado.


Uma sociedade cheia de homens que não assumem sua posição, são omissos e deixam tudo para cima das esposas e depois ainda acham ruim quando elas dão uma de chefes de família.


É absurdo o número de mulheres que faz uso com remédios antidepressivos, para dormir, para ansiedade… E não estou repreendendo o uso da medicação. Apenas analisando a situação.


E com toda certeza parte disso se deve tanto a homens que não assumem o seu papel e sobrecarregam suas esposas, como esposas que tomam para si responsabilidades que não são suas.


É lindo quando uma mulher desenvolve uma bela carreira profissional.

Porém é igualmente lindo quando tem o sonho de ser DO LAR e se dedicar integralmente a família e a casa.


Qual o problema?


Provérbios 31 é o clássico texto que fala de uma mulher exemplar aos olhos do Senhor. Essa mulher de Pv 31, fazia tanto uma coisa como outra. Trabalhava fora e cuidava da casa, com equilíbrio.


Algumas curiosidades sobre esta mulher fantástica:

- Sabe negociar produtos (compra, vende, negocia).

- Cozinha.

- Dá tarefas as funcionárias (liderança).

- Sabe negociar imóveis.

- Sabe administrar e investir dinheiro (vendeu o terreno, plantou uma vinha).

- É trabalhadora.

- Tem vigor físico.

- Obtém lucro.

- É hospitaleira e generosa.

- Administra as roupas.

- Dá suporte ao marido (ele não seria quem é sem ela, logo, o que ele é, os dois são).

- Tem fé em um futuro melhor.

- Fala com sabedoria e amor.

- Cuida dos filhos.


Uau! Que mulher fantástica. Com certeza temos muitas assim aqui, amém?!


A Igreja cuida dos filhos


É inegável que ambos devem se dedicar a cuidar das crianças.

Todavia, a própria gestação em si já prova que nem tudo é para os barbados.


A não ser naquele filme do Arnold Schwarzenegger, homens não ficam grávidos.

Logo, as mães têm uma conexão diferente com os filhos e boa parte das vezes ocupam a parte principal na educação destes.


Criar os filhos como homens e mulheres de Deus, é uma tarefa que exige muita dedicação, tento e recursos.


Mas sobre mães e filhos vou deixar para a pastora pregar no dia das mães…


A Igreja é uma família


As mulheres são o termostato da casa.

Uma mulher estressada e ranzinza torna toda a atmosfera do lar um desastre.

Uma mulher reclamadora acaba com o dia de qualquer família.


A mulher sábia edifica a sua casa, mas com as próprias mãos a insensata derruba a sua. Provérbios 14:1.


Se um lar não tem paz, a chance de encontrar uma mulher descentrada nele é enorme.


Agora uma mulher cheia do Espírito Santo, transforma qualquer ambiente onde chega, inclusive, ajudando maridão a voltar ao mundo real.

Geralmente são elas que tem o ‘se mancol’ mais alto. Uma percepção maior dos detalhes e das entrelinhas.


Por outro lado, uma mulher “reinenta” faz os maridos quererem passar longe de casa.


A esposa briguenta é como o gotejar constante num dia chuvoso; detê-la é como deter o vento, como apanhar óleo com a mão. Provérbios 27:15,16.


Existem maridos que não ficam muito em casa de sem vergonhas que são. Outros por necessidades específicas, como viagens de trabalho ou serões. Agora, é inegável que há homens que não ficam muito em casa porque não aguentam a mulher chata!


Você irmã, tem um dom de Deus para gerar um ambiente de paz e tranquilidade (1Pe 3:1-5).



5. Foco na família


Você pode ser muito importante em muitos lugares. Porém só na sua família você é insubstituível.


Ninguém pode dar amor e carinho o seu cônjuge como você.

Ninguém pode nutrir seus filhos de afeto como você.

O teu abraço de filho é insubstituível para os teus pais.


Se nós salvarmos as nossas casas, vamos transformar essa igreja.


Se essa igreja influenciar as famílias dessa cidade, vamos ganhar Caxias do Sul para Jesus.


Tudo começa dentro de casa!

A humildade.

O arrependimento.

O culto.

O avivamento.


Lute pelo seu casamento, antes que seja tarde demais.

Lute pelos seus filhos, enquanto a tempo.


Suas primeiras ovelhas são as que moram dentro da sua casa.


Sua célula mais importante começa com você e seu cônjuge e multiplica quando os filhos se casam.



Ministração


Você já leu algum livro sobre família?

Já assistiu alguma pregação sobre?


Luciano Subirá - O Propósito da Família.

Josué Gonçalves.

Ed e Lisa Young.

Gary Chapman - As 5 linguagens do amor.

Kevin Leman.

Jaime Kemp


Quarto de Guerra

Prova de Fogo

Desafiando Gigantes.



Então, que tal começar a dar valor ao que mais importa?


Que tal abandonar os pecados que agridem diretamente a família?



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...