terça-feira, 4 de agosto de 2020

Pensamentos, Palavras e Ações


Já conheceu uma pessoa que diz não ter controle de suas ações? Ok, é um tipo raro, mas, existe. Agora, quem já conheceu alguém que diz não poder controlar o que fala? Ah, isso já é bem mais comum. Por último, conhece alguém que diz não poder controlar os pensamentos e emoções? Sim, isso sim é muito normal. Vamos conversar um pouco sobre isso?

Assista em vídeo 


Texto Base

Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Romanos 12:2


1. Pensamentos
O exemplo da mão balançando

Somos corpo, alma e espírito. Seu espírito nasceu de novo quando você recebeu Jesus como Senhor e Salvador de sua vida. Seu corpo será feito novo quando você for para a Eternidade, terá um corpo glorificado.
Então o que nos resta resgatar, transformar nessa terra? A alma!

Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Romanos 12:2

Certa vez ouvi que os japoneses inventaram a melancia quadrada. Na verdade, consistia apenas na técnica de colocar a pequena melancia dentro de um molde; ao crescer ela iria se amoldar e assumir a forma, no caso, quadrada. O mesmo se dá com o pão. Colocamos a massa na forma e ela se conforma. Assume o formado da forma.

Quando nascemos de novo precisamos nos tornar agentes ativos de transformação da nossa alma. No texto de Rm 12:2, para descrever o processo de ser conformar / amoldar a palavra usada nos mostra algo natural. Ou seja, é automático que uma pessoa que não vigia seus próprios pensamentos e sentimentos logo seja apenas mais um na multidão, sendo arrebanhado por uma ou outra corrente de pensamento e sentimentos para servir ao inimigo.

Por outro lado, quando fala “transformem-se”, toma uma postura de algo que não acontece apenas por si, porém recebe um toque sobrenatural. Essa palavra foi usada quando Jesus foi transfigurado diante de Pedro, Tiago e João e apareceu em sua forma divina.
Quando Rm 12:2 fala para transformarmos a mente, está nos incentivando a ativamente lutar por essa transformação, recebendo ajuda sobrenatural do Senhor.
Uau! Que maravilha! E mais; já podemos nos apropriar dessa transformação pela fé na Palavra de Deus.

Nós, porém, temos a mente de Cristo. 1 Coríntios 2:16.
Que tipo de pensamentos e sentimentos devemos bloquear e quais devemos deixar passar? Vejamos o que a Bíblia nos ensina.

Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas. Filipenses 4:8.

E obviamente, pensamentos e sentimentos relacionados a pecado devem ser evitados em nossas vidas.

Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem; idolatria e feitiçaria; ódio [ex. cadáver], discórdia, ciúmes [irmãos?], ira, egoísmo, dissensões, facções [grupinhos] e inveja; embriaguez, orgias [baco] e coisas semelhantes. Eu os advirto, como antes já os adverti, que os que praticam essas coisas não herdarão o Reino de Deus. Gálatas 5:19-21.

Talvez esteja pensando: “Tudo bem pastor, preciso controlar meus pensamentos e sentimentos. Agora, como posso fazer isso”?

O Pr. Abe dá o seguinte exemplo: Imagine que você está caminhando na rua e de repente passa alguém balançando a mão e acerta você. Pede desculpas e fica tudo bem. Ao saírem ele acerta novamente. O que você diria? “Controle essa sua mão amigo”. E se a pessoa respondesse: “Não consigo”! Possivelmente você diria algo do tipo: “Então segure esse seu braço, amarre essa sua mão, faça alguma coisa! A mão é sua, resolva isso, só não fique mais por aí batendo nas pessoas”.
Nossos pensamentos e emoções estão localizado em nossa alma e podem ser controlados. Alguns são mais fáceis, outros são mais difíceis. Nosso espírito, a parte mais profunda do nosso ser que se comunica diretamente com o Espírito de Deus, precisa exercer o domínio sobre a alma e transformá-la.
Alguns pensamentos conseguimos simplesmente desligar. Outros precisam ser substituídos.
Uma ferramenta poderosíssima é a apropriação da Palavra, das promessas do Senhor.
Quanto mais enchemos nossa cabeça com a Bíblia, mais reprogramamos nossas crenças e valores. Quanto mais conhecemos quem somos de acordo a Bíblia, mais manifestamos isso em nosso dia a dia.

Guardei no coração a tua palavra para não pecar contra ti. Salmos 119:11.

Na hora das tentações, das decisões… Quando os pensamentos, sentimentos quiserem fugir do controle; lembre o que a Palavra diz sobre este assunto e traga sua alma de volta ao lugar seguro.

Outra ferramenta poderosíssima é a oração em línguas.

Quem fala em língua a si mesmo se edifica. 1 Coríntios 14:4.

A palavra grega usada aqui para edificar vem de oikodomos1 e dá a ideia de edificar a partir da fundação, reconstruir, promover crescimento. Quando você ora em línguas está quebrando as matrizes antigas e estabelecendo nova fundação. Está ainda reparando o OS de sua cabeça, arrancando os vírus e anomalias.

Seus pensamentos também podem ser profundamente influenciados pelas pessoas com quem você convive.

Não se deixem enganar: “as más companhias corrompem os bons costumes”. 1 Coríntios 15:33.

Selecione quem serão as pessoas que você vai deixar te influenciar. Quem vão ser seus parças, suas bests… Quais serão seus hobbies.

Por fim e obviamente, o que alimenta sua alma. Tudo que penetra seu ser através dos sentidos vai estimular algo dentro de você. Que tipos de filmes, músicas, séries você assiste?
Logo quando casamos, assistíamos uma série sobre um agente secreto onde o que destacava o protagonista era sua capacidade de memorização. Porém, o pano de fundo se dava sempre sobre mentiras. Todos na série eram extremamente mentirosos e logo nos pegávamos torcendo para que as mentiras dele não fossem descobertas. Ao percebermos isso, paramos de assistir a série.
Esses programas em capítulos, como novelas e séries, tem um potencial de programação mental. Geralmente em que momentos as pessoas assistem? Quando querem relaxar. Relaxam tanto que colocam a consciência no modo off e vão apenas bebendo o que ali está passando, sem um julgamento crítico. Então use seu controle remoto com muita sabedoria.


2. Palavras
Deus te deu uma boca para conquistar o seu coração

Vamos fazer um exercício? Esse também foi ensinado pelo Pr. Abe. Comece a contar em sua mente. Só nos pensamentos. Conte mais rápido, não pare.
Agora quando eu sinalizar, todos falem o próprio nome bem alto. Agora! O que aconteceu com sua contagem? Ela foi imediatamente interrompida.
Ouvi a frase e não lembro de quem é, penso que seja do Pr. Abe: Deus te deu uma boca, para conquistar o seu coração.
Em Tiago 4, a Bíblia nos ensina que a língua é o leme da nossa vida. Já ouviu aquela: “Fulano vai pra onde aponta o nariz”. O mais correto seria “para onde aponta a língua”. Suas palavras revelam o seu futuro.

Quando você diz algo, todo seu corpo se prepara em relação aquilo. Muito antes da Siri, Cortana e Google Now; nosso próprio corpo já veio de fábrica com comando de voz. Seu corpo e sua alma sempre se preparam para viver o que a sua boca fala.
E se você agora está pensando assim: “Mas já vi pessoas que só falam em sucesso terem fracasso”. Eu lhe pergunto: “E já viu uma pessoa sequer que só fala em fracasso e desgraça o tempo todo chegar ao sucesso”?

É obvio que só falar não resolve. Porém, geralmente damos passos na direção de alcançar o que a nossa boca fala.

Por mais que para alguns essa ideia pareça estranha, não soa esquisita para grandes pensadores do assunto. Na aula de letras da UFPEL aprendi que: “A língua não fala, ela manda” e que “toda fala está a serviço de um poder”.
Observe que até mesmo Deus para criar o universo FALOU.
Lembre-se do ministério de Jesus: Chamou Lázaro para fora, mandou o mar se acalmar; amaldiçoou a figueira… O que Jesus falava, se tornava realidade.

É comum ver pessoas dizendo: “Vou casar, se não der a gente separa”. Por esses e outros motivos as taxas de divórcio são tão altas.
Outros dizem: “Acho que vou morrer cedo; vou ser assaltado, alegria de pobre dura pouco, agora que perco o emprego”… Calma, aponte a sua língua para o futuro que você deseja!

Dize-lhes: Por minha vida, diz o Senhor, que, como falastes aos meus ouvidos, assim farei a vós outros. Neste deserto, cairá o vosso cadáver. Números 14:28-29a.

Os israelitas tinham orado isso? Não, mas ficaram murmurando entre eles. E Deus escuta tudo o que falamos.

Todos os filhos de Israel murmuraram contra Moisés e contra Arão; e toda a congregação lhes disse: Tomara tivéssemos morrido na terra do Egito ou mesmo neste deserto! Números 14:2.

Podiam até dizer que “falaram de cabeça quente”, porém, a língua deles apontou para a morte e o que alcançaram foi a morte. Seus pensamentos eram de morte, sua boca falou de morte e a consequência foi que morreram.

Davi usava a boca para controlar a alma.

Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salvador. Salmos 42:5.

Davi percebe que o fluxo dos seus pensamentos e sentimentos estava em um caminho de grande tristeza. Ele usa suas palavras, inclusive em forma de poesia, música, para induzir sua alma a um lugar seguro e não se afundar em um poço de tristeza.

Aproveitando a deixa, a música tem um poder fantástico de transformar nossas vidas e reprogramar nossos pensamentos e emoções.
Ouvir e cantar boas músicas cristãs ajuda a apontar nossa vida na direção certa.
Há diversas canções que tem a Bíblia como sua letra e relatam as vitórias, a alegria da vida cristã, a festa que é viver com Jesus. É muito bom cantar canções que nos levem a adorar ao Senhor. Porém, junto com elas, também são importantes canções que celebrem a vitória em Jesus, canções festivas, de alegria!

A própria Bíblia nos ensina sobre o que devemos falar.

Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. Efésios 4:29.


3. Ação
Fé sem obras é morta

Frisamos até aqui quão importantes são os pensamentos e as palavras. Isso não muda a necessidade de agir.

Assim, também a fé, se não tiver obras, por si só está morta. Mas alguém dirá: Tu tens fé, e eu tenho obras; mostra-me essa tua fé sem as obras, e eu, com as obras, te mostrarei a minha fé. Tiago 2:17,18.

As nossas ações testemunham a respeito do que realmente acreditamos. Quando temos fé, agimos, nos movemos.
Não podemos ser inoperantes, preguiçosos. Cristãos meramente teóricos mas que não vivem o que pregam.


Ministração

O que dessa palavra mexeu com você?
O que vai fazer para colocar em prática?
1Strong, G3618.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...